/
/
Frenectomia

Frenectomia

Você sofre com irregularidade nos dentes, de modo que eles não se encaixem de forma correta? 

Nesse caso, que é chamado de maloclusão, a frenectomia é o melhor caminho, seja como tratamento de fato ou como trabalho preventivo.

O procedimento pode ser executado na dentição decídua ou até mesmo mista. Não sabe muito bem do que estamos falando? 

Então, continue lendo! 

Nesse artigo, falaremos de tudo o que você precisa saber sobre o assunto!

frenectomia

O que é Frenectomia?

A frenectomia é a remoção de um fênulo, uma dobra pequena do tecido fibroso (parecido com uma membrana) que impede a movimentação correta de algum órgão.

No caso bucal, a frenectomia elimina totalmente o freio labial, tanto da parte superior quanto inferior, ou o freio lingual. Isso é necessário porque, muitas vezes, um freio labial acaba sendo bem maior que o comum, o que provoca o afastamento dos dentes (causando diastema) e, consequentemente, outros problemas periodontais.

Qual é o Objetivo da Frenectomia?

O objetivo da frenectomia é a correção ou até mesmo a eliminação de uma anomalia anatômica que acontece na gengiva ou na mucosa alveolar. 

Esse tipo de procedimento pode ser vinculado ou não ao retalho posicionado na lateral ou a um enxerto na gengiva para recobrir o local da excisão do freio labial ou lingual.

É importante saber que esses freios não têm nenhuma função importante, e sua remoção não prejudicará o funcionamento motor do paciente. 

Por esse motivo, a frenectomia é muito procurada, pois melhora a estética bucal, sem necessidade de correr grandes riscos.

Tipos de Indicação para Frenectomia

A frenectomia labial pode ser feita para melhorar:

  • Separação dos dentes centrais: devido a espaçamentos entre os incisivos, quando eles não fazem o processo natural de fechamento dos espaços – isso ocorre porque entre os dois incisivos existem papilas interdentárias;
  • Estética: o principal motivo é o “sorriso alto”, que expõe uma quantidade elevada de gengiva superior;
  • Limitação de movimentos labiais: em quem possui inserção baixa da presença do freio labial;
  • Fonética: a cirurgia pode melhorar a expressão oral do paciente, quando interfere no aparelho fonético;
  • Estabilidade: em caso de retenção e uso de prótese dentária.

A frenectomia lingual pode ser feita para melhorar:

  • Limitação do movimento da língua: essa condição pode ocorrer devido ao tamanho do freio, que pode ser curto, ou se este estiver muito perto da ponta da língua, e pode provocar alterações na fala (a famosa “língua presa”) e dificuldades na mastigação.

Como é Realizada a Cirurgia?

Há duas formas de fazer a cirurgia de frenectomia, que são:

A cirurgia convencional 

O procedimento é feito com bisturi, que produz a secção ou a fissura para remoção total do freio. Após essa primeira etapa, é realizada a sutura (uma espécie de “costura”) do tecido mole, por meio de pontos, que serão removidos em 7 a 10 dias.

A cirurgia a laser

A diferença entre as duas cirurgias é o tipo de bisturi. Nesse caso, o instrumento é elétrico, o que agiliza a duração do procedimento. Isso porque, além de cortar, ele faz o processo de coagulação e também de esterilização ao mesmo tempo.

Outro ponto positivo é que o bisturi elétrico não implica na sutura, reduzindo as chances de possíveis edemas e traumas no tecido mole, que são complicações pós-operatórias que podem ocorrer devido aos pontos.

Frenectomia Dói?

Durante a frenectomia, independentemente do método ou até mesmo da técnica cirúrgica utilizada, o paciente não sente dor, pois o procedimento necessita de anestesia local. O pós-operatório também costuma ser tranquilo em relação a isso.

Mas, apesar dos riscos mínimos, assim como em qualquer outra cirurgia, é necessário o uso de medicamentos, como analgésicos e/ou anti-inflamatórios indicados pelo seu dentista especializado.

frenectomia

Qual é a Idade Mínima?

Frenectomia labial

A idade ideal para realizar a frenectomia labial é aos 2 anos, porque, dependendo da situação, a identificação precoce do problema pode proporcionar um resultado melhor. No entanto, é importante ressaltar que há também situações de freio anormal, no período de 2 a 4 anos, que podem melhorar até os 9 anos, pois a língua acompanha o crescimento humano.

Por esses motivos, é discutível a exatidão da idade ideal para se realizar a frenectomia. Em caso de concordância, é possível esperar pela erupção dos dentes caninos, que geralmente ocorre ente os 11 e 13 anos.

Frenectomia lingual

O freio lingual curto que faz a língua ficar “presa” em recém-nascidos e lactentes é mais prevalente e pode causar transtorno até na alimentação.

Ao contrário do outro tipo de frenectomia, a lingual pode ser realizada em qualquer idade. De qualquer maneira, é importante consultar uma clínica especializada.  

Recuperação da Frenectomia: O Que Fazer?

Para a recuperação sair como o desejado, são necessários alguns cuidados pós-operatórios:

  • De preferência, optar por alimentos mais pastosos e evitar ao máximo possível alimentos duros;
  • Não comer alimentos quentes, principalmente nos primeiros dias;
  • Redobrar a higienização oral; porém, na hora de escovar, não fazer pressão no local em que foi feito o procedimento cirúrgico;
  • Tomar os medicamentos prescritos pelo seu médico-cirurgião adequadamente;
  • Repousar.

Existem Riscos?

A cirurgia de frenectomia apresenta riscos bem reduzidos, no entanto, algumas complicações podem aparecer no pós-operatório, como, por exemplo: inflamações, dor ou infecções. Porém é muito raro que essas complicações ocorram.

Durante o procedimento cirúrgico da frenectomia, se a sua execução for incorreta, é possível que ocorra sangramento excessivo em caso de lesão em estrutura das laterais.

De qualquer forma, esses riscos ou complicações são reversíveis e não deixam nenhum tipo de sequela.

Quanto Custa para Fazer Frenectomia?

Não há como estipular um valor exato para a cirurgia de frenectomia, pois cada caso precisa ser analisado individualmente. Cada paciente é único, e o tipo de freio e técnica são cruciais para definir o valor final do procedimento.

Esses tipos de cirurgia não possuem preços absurdos, pelo contrário: os valores são relativamente baixos.

Essa é a Hora de Investir em uma Frenectomia?

Se você sofre com os problemas que falamos aqui, aconselhamos que faça o procedimento cirúrgico de frenectomia lingual ou labial. Melhorar o seu sorriso, se alimentar melhor e se expressar com mais clareza podem ser bons motivos para isso.

Se você se encaixa nessas características, fale com a gente agora pelo WhatsApp e tire suas dúvidas sobre o assunto!

Telefone para contato: (21) 98881-6084

TIRE SUAS DÚVIDAS